Paris e Londres com crianças (e sorteio!)

Paris e Londres com crianças (e sorteio!)

Por Patrícia Papp

Tem gente que gosta de resort, tem gente que gosta de montanha, tem gente que gosta de compras. Eu gosto de fazer turismo com meus filhos. Viajar para passear, conhecer lugares.

Adoro museus e restaurantes simpáticos que a gente descobre na esquina do hotel. Este é o meu tipo de viagem!

Foi assim que fui parar na Europa com meus filhos. A Luiza com 2 e o Pedro com 7 anos. Amei! Eu e meu marido fizemos esta viagem juntos antes de ter filhos. Desta vez desembarcamos em Paris com um carrinho (para garantir as caminhadas pela cidade) e poucas malas, porque planejamos ir até a cidade de RER (metro rápido). Ficamos em um hotel simples, sem grandes sofisticações mas bem localizado (nada mais francês do que isto, não?) e saímos pela cidade comprando pão na boulangerie, queijo na fromagerie assim por diante!

Pérai, sei que você nem começou a dar as dicas, mas eu ouvi falar que europeus de forma geral não gostam de crianças, é verdade?

Olha, não sou francesa nem nunca morei em Paris, mas o que posso dizer é que não tive nenhum problema com o tratamento dos meus filhos nem em Paris nem em Londres.

Pelo contrário.

Mas os restaurantes tem menu kids?

Nem todos. Talvez a maioria não. Mas quem precisa de menu kids quando tem a opção de pedir um bom pedaço de carne com batatas fritas e legumes? Achei que meus filhos se alimentaram muito melhor na Europa sem menu kids do que em Orlando, uma cidade super family friendly.

Voltando aos meus passeios por Paris… pena que eu tinha pouco tempo e pude ter apenas um aperitivo do que a cidade oferece para crianças, mas a verdade é que fiquei encantada com os playgrounds pelas praças e com espaços exclusivos para os pequenos nos museus.

Optamos em ir para Londres de Eurostar – a viagem no trem rápido teve o mesmo efeito nas crianças do que um brinquedo na King’s Cross – St. Pancras, a estação onde o Harry Potter pega o trem para Howgrats.

Alguém ainda duvida da magia desta viagem?

Nos dias seguintes andamos em ônibus de dois andares, taxis pretos, levamos um baita susto quando um dinossauro enorme se mexeu, montamos em um leão na praça do museu onde vimos quadros de bailarinas (Degas) e do quarto do Van Gogh. Também fomos ao zoológico, andamos de barco nos canais e na Legoland… imagine o que é para um criança um parque inteirinho das pecinhas do seu jogo preferido???

Preciso dizer mais ou já tá animada?

Está se perguntando: por onde começar pra visitar essas lindezas de cidades?

Eu te respondo: começa lendo um guia de qualidade, que acaba fazendo toda diferença do mundo no planejamento de uma viagem. Principalmente com crianças.

Vou indicar um  que acaba de ser lançado: um guia super completo, com dicas de Londres e Paris. Sabe aquele tipo de guia que, além de sugerir passeios, traz informações sobre voltagem, moeda, te ajuda a fazer chamas telefônicas, usar transporte público, entre outras dicas preciosas?

E o Minha Mãe que Disse vai sortear não um, nem dois, mas três guias lindos iguais a esse.

Pra participar deixe seu nome dos comentários, com um empolgado e bem lindo “eu quero!”

Qualquer pessoa com endereço no Brasil pode participar. Os nomes dos felizardos ganhadores sai no dia 31, e eles serão avisados por email e pelo Facebook.

Boa sorte!

Ah, e pra quem estiver por SP: O lançamento do guia será dia 26/5 na Livraria da Vila. Aparece!

 

Patrícia Papp é mãe do Pedro e da Luiza. Ela mora em uma chácara – coisa de mãe achar que criança tem que pisar na grama. Viaja com os filhos sempre que pode, mas viaja sem eles também. Ela só não deixa é de viajar!  Autora do blog Coisas de Mãe.