Meu petit sagitariano

Meu petit sagitariano

Por: Mônica Bergamo

 

Sabem aquele serzinho que já veio com o DNA inclinado a pegar para si o que a vida tem de bom e interessante? Com entusiasmo contagiante e disposto a se aventurar, todo contente da vida, cheio de encanto e com sorriso largo? Pois a criança de Sagitário é basicamente assim, salvo é claro, as particularidades da dinâmica de cada um.

Espontâneos, até mesmo ingênuos, podem se expressar sem muito cuidado, inflamados pelas suas ideias e observações do mundo. Aos pouquinhos, irá aprendendo que o exercício da delicadeza é precioso e importante. Que respirar fundo, pode ajudar muito.

Cobranças não adiantam, é preciso esperar que suas chamas esfriem um pouco para que ele possa se afastar desta energia, antes conseguirem sentar e conversar de maneira produtiva. Não se esqueçam de estimular a argumentação e a reflexão.

Os pequenos de Sagitário precisam de muita liberdade, desde as coisas mais simples. Roupas apertadas podem enlouquecê-lo, e antes que tenha condições de se expressar, pode passar um bom tempo demonstrando desconforto e irritação sem que se descubra o que é. Precisa passear bastante, se movimentar, ver outras pessoas e outras paisagens. Não precisa ser nada complicado ou sofisticado, uma simples volta perto de casa opera milagres!

Ele precisa extravasar, fluir, seja correndo, pulando, dando cambalhotas, dançando! Ofereçam atividades que o estimulem, jogos que o desafiem e leituras que contam a história de pessoas cujas ações foram importantes para a humanidade.

Vídeos e materiais que mostrem como são as diferentes culturas serão como um tesouro que guardará para sempre dentro de si. Viagens próximas da natureza são restauradoras para ele. Um pic nic num parque da sua cidade também, desde que possa subir em árvores, explorar o espaço e observar coisas diferentes do seu cotidiano.

O tédio é fatal para ele, sentir-se aprisionado então, é crime sem fiança. Precisa de novidades assim como precisamos do ar que respiramos, de superar a si mesmo e os desafios que surgirem.

O símbolo de Sagitário é o centauro, metade homem/metade cavalo. Se a liberação da energia física for constante e levada a sério, sua mente ficará produtivamente livre para usar o lado lógico que pertence ao humano.

E aí, sua sabedoria e intuição natural poderá ganhar área e se desenvolver num crescente, fortalecendo sua independência e criatividade. Adora liderar e escolher o que bem entender desde cedo. Conforme for crescendo, deixem que ele experimente mais e mais a sua natureza.

Terá clara noção do quanto o mundo é amplo e da diversidade que os horizontes têm a oferecer.

Estimulem o aprendizado de outras línguas, pois a comunicação com todos é essencial para ele. Entende naturalmente o mundo como uma grande família, aprecia muito a companhia dos outros e se encanta com as diferentes maneiras de se pensar a vida, apesar de que momentos em que esteja apenas consigo mesmo, serem igualmente importantes quanto os em que esteja em grupo.

E, não é por aí mesmo?

Obs. – Importante lembrar que quando falamos que alguém é de determinado signo, estamos falando do Sol, que tem a ver com a nossa essência, com a nossa identidade, com o nosso “projeto”. Mas é a composição com os demais planetas, elementos, ritmos e aspectos trocados entre si, que teremos a mandala celeste individual, o Mapa Astral. É ela que nos oferece uma importante ferramenta de entendimento e orientação a ser interpretada pelo astrólogo e compartilhada com os pais e/ou responsáveis que fazem parte da vida daquela criança especificamente.

 

 

Mônica Bergamo, psicóloga, pedagoga, terapeuta floral e astróloga, clique aqui pra saber mais o trabalho da Mônica.
Contato: monicabergamo@gmail.com